Entre em contato pelo Telefone(41) 3343-5015

Energia limpa: tudo o que você precisa saber sobre energia renovável!

Conheça algumas das soluções alternativas mais sustentáveis nos dias atuais para a geração de energia

Atualmente, a principal fonte de geração de energia utilizada pelo homem são os combustíveis fósseis: restos orgânicos que se acumularam e foram decompostos ao longo de milhões de anos. Porém, eles são recursos não-renováveis que um dia irão acabar.

Além de serem recursos finitos, a queima de combustíveis fósseis (petróleo, carvão e gás natural) é um dos principais agravantes do efeito estufa e do aquecimento global, liberando gases poluentes na atmosfera.

O que muitos não sabem é que já existe uma solução alternativa mais sustentável para a geração de energia: as fontes de energia renováveis.

O que é energia renovável

Ao contrário do que muitos pensam, energia renovável ou limpa não é aquela que não causa nenhum impacto no meio ambiente. Infelizmente, uma geração de energia que seja 100% limpa ainda não existe.

Energia limpa é aquela que não libera substâncias na natureza e que o impacto ambiental está limitado ao espaço em que a usina de energia é construída.

Veja agora diferentes tipos de energia renovável:

Solar

Como o nome já sugere, trata-se da geração de energia a partir de raios solares. É possível captar energia luminosa em painéis solares por conta de células fotovoltaicas, que são dispositivos capazes de transformar energia luminosa em energia elétrica.

Uma grande desvantagem desse método de geração de energia, e o motivo pelo qual ele não está tão difundido no brasil ainda, é o alto custo de painéis solares.

Eólica

Trata-se da geração de energia através da força do vento, que giram grandes turbinas em forma de cata-vento, chamadas de aerogeradores. Ligadas ao um gerador, essas turbinas conseguem transformar energia mecânica em elétrica.

A energia eólica é responsável por 8% da geração de energia do Brasil, com a maior usina localizada na região nordeste.        

Geotérmica

Nesse método de geração de energia renovável, utiliza-se a camada de magma abaixo da superfície terrestre para aquecer água e transformá-la em vapor. O vapor aciona uma turbina que, ligada a um gerador, transforma energia mecânica em elétrica.

A estrutura geográfica brasileira dificulta a instalação de usinas geotérmicas, pois não possui locais em que o magma abaixo da crosta esteja próximo da superfície.

Maremotriz

É proveniente das marés de mares e oceanos. É possível gerar energia elétrica através da energia potencial das ondas ao passar por turbinas instaladas na água.

Essa forma de geração de energia limpa ainda não foi tão explorada e possui um grande potencial.

No Brasil, já existe uma pequena usina maremotriz no porto do Pecém, no Ceará, sendo a primeira da América Latina!

Nuclear

Através de uma fissão nuclear (separação do núcleo de um átomo), uma enorme quantidade de energia é gerada em forma de calor. Essa energia esquenta a água e o vapor aciona uma turbina, ligada a um gerador, que produz energia elétrica.

A geração de energia nuclear só é perigosa se ocorrerem acidentes ou se o lixo nuclear não tiver uma destinação correta. Além disso, pode causar poluição térmica se a água quente do processo for jogada indevidamente em rios e mares, interferindo e muitas vezes destruindo o ecossistema local.

Hidráulica

É a energia obtida através do fluxo das águas, seja ele natural, como quedas de água, ou artificialmente criado pelo homem.

É construída uma grande barragem no curso de um rio, que irá se acumular formando um lago. Várias tubulações levam essa água até uma turbina e depois a devolvem ao curso natural do rio. As turbinas, ligadas ao um gerador, transformam energia mecânica em energia elétrica.

É considerada energia renovável, porém usinas hidrelétricas causam alagamentos na área em que foram construídas, acabando com o ecossistema local e muitas vezes fazendo com que populações inteiras se desloquem.

O Brasil é o país com maior potencial hidrelétrico e possui, junto com o Paraguai, uma das maiores usinas do mundo: Itaipu!

Biocombustíveis

É a produção de combustíveis a partir de matéria orgânica, seja ela vegetal ou animal. O Brasil já utiliza em grande escala o etanol, um biocombustível obtido através da cana-de-açúcar.

A quantidade de dióxido de carbono liberado em sua queima é muito menor comparada ao de combustíveis fósseis. Mas, biocombustíveis possuem outras desvantagens, como o desmatamento proveniente da plantação da matéria prima para a sua produção.

As energias solar, eólica, maremotriz e geotérmica possuem um rendimento menor e, consequentemente, um impacto menor no meio ambiente. Já as usinas hidrelétricas e nucleares, além dos biocombustíveis, geram mais energia e têm um impacto maior na natureza (porém muito menor comparado aos combustíveis fósseis!).

Além de ser melhor para o meio ambiente, a energia limpa, ao contrário dos combustíveis fósseis, se renova. Ou seja: são uma fonte de energia inesgotável!

Por fim, quando há a combinação destas fontes de energia com a tecnologia da Internet das Coisas e a telemetria, as usinas de energia renovável podem alcançar uma maior eficiência energética, evitando o desperdício e reduzindo os custos de produção. Isso mesmo: além ter um impacto ambiental muito menor, ela é mais barata!

Quer saber mais sobre energia limpa? Deixe suas dúvidas nos comentários que a gente te responde!

Qual a melhor comunicação para máquinas de cartão?

Wi-fi ou chip M2M: quem vence esta batalha? É fato que os terminais […]

Já ouviu falar em Smart City? Conheça esse novo conceito em habitação

As Smart Cities estão trazendo inovações para a vida na cidade e melhorando […]

Novidades na área de telemetria? Saiba antes que todo mundo!

Copyright 2018 | Todos os direitos reservados a Datatem | Política de Privacidade

Desenvolvido por Agência de Marketing Digital e Inbound Marketing

Scroll Up